Criciúma é rebaixado na competição

0
98


Campeão da Copa do Brasil em 1991 e dez vezes vencedor do Campeonato Catarinense, o Criciúma Esporte Clube está rebaixado pela primeira vez à segunda divisão do Estadual. Nesta quarta-feira (21), o Tigre recebeu o Avaí no estádio Heriberto Hülse e foi superado por 1 a 0, pela 11ª e última rodada da primeira fase.

A derrota, decretada com gol de pênalti do lateral Diego Renan aos 35 minutos do segundo tempo, manteve o Tricolor carvoeiro em 11º e penúltimo lugar, com oito pontos, dois atrás do Concórdia, primeiro clube fora da zona de rebaixamento (os dois últimos caem). O Avaí, que entrou em campo classificado às quartas de final, encerrou a primeira fase em terceiro lugar, com 21 pontos.

Além do Criciúma, o Metropolitano teve o rebaixamento decretado nesta quarta ao ser atropelado pela líder Chapecoense na Arena Condá, em Chapecó (SC), por 5 a 0. O Verdão do Oeste somou 26 pontos na fase inicial, enquanto o clube de Blumenau (SC) ficou na lanterna, com seis pontos. Os atacantes Fabinho, Fernandinho e Geuvânio e os zagueiros Laércio e Brendo (este último contra) balançaram as redes.

Concorrente direto do Tigre, o Hercílio Luz venceu o Joinville por um emocionante 4 a 3 no estádio Aníbal Costa, em Tubarão (SC). O triunfo assegurado com gol do atacante PH aos 48 minutos do segundo tempo não só livrou o Leão do Sul do rebaixamento como classificou a equipe às quartas de final, com 12 pontos, na oitava posição e última vaga possível. O JEC também permanece na briga pelo título, apesar da derrota, avançando à segunda fase em sétimo lugar, com 13 pontos.

O gol tardio de PH atrapalhou o Figueirense. O Alvinegro, que foi a campo podendo se classificar ou ser rebaixado, ficou no zero com o Marcílio Dias no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC). O resultado manteve o Furacão na primeira divisão, mas foi insuficiente para avançar de fase. A equipe da capital ficou em nono, com 11 pontos. O Marinheiro, que já estava assegurado nas quartas, terminou a primeira fase em quinto, com 15 pontos.

No estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC), o Juventus recebeu o Concórdia, que também brigava contra o rebaixamento, e venceu por 2 a 1. O Moleque Travesso, garantido no mata-mata, finalizou a fase inicial em quarto lugar, com 18 pontos. O Galo do Oeste se livrou da queda, beneficiado pelo tropeço do Criciúma, mas perdeu a chance de ir às quartas, concluindo o campeonato com dez pontos, na décima posição.

No duelo que envolveu dois clubes classificados às quartas, o Brusque derrotou o Próspera por 3 a 1 no estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC). O Quadricolor fez a segunda melhor campanha da primeira fase, com 22 pontos. O Time da Raça, único representante da cidade de Criciúma (SC) na elite catarinense em 2022, ficou em sexto lugar, com 14 pontos.

As datas e horários dos jogos de ida e volta das quartas de final serão anunciadas pela Federação Catarinense de Futebol (FCF). Veja, abaixo, os confrontos do mata-mata. Os clubes à esquerda, por terem melhor campanha, decidem os duelos em casa.

Chapecoense x Hercílio Luz
Brusque x Joinville
Avaí x Próspera
Juventus x Marcílio Dias





Source link

Deixe uma resposta